segunda-feira, 9 de julho de 2012

Resenha: Veronika decide morrer - Paulo Coelho


    Hoje  vim resenhar um livro que eu amo. Sei que a maioria das pessoas costumam não gostar do Paulo Coelho (meu pai é um exemplo rs), mas eu sempre via minha mãe lendo e um dia quando vi que o filme foi feito e a Sara Michelle Gellar que estava como Veronika, eu não aguentei e vi a produção. Não poderia ter sido diferente,  eu amei. E em um passeio pelo supermercado, enganei meu pai e ele sem ver o título, me comprou o livro rs. É a segunda vez que eu leio e a emoção foi a mesma. O livro não tem uma linguagem rebuscada e nada de diferencial, mas confesso que a narração me prende de um jeito que eu não consigo largar o livro. 

 " Tiros, quedas de prédio, enforcamento, nada disso combinava com sua natureza feminina. As mulheres, quando se matam, escolhem meios muito mais românticos - como cortar os pulsos, ou tomar uma dose excessiva de comprimidos para dormir. As princesas abandonadas, e as atrizes de Hollywood deram bastante exemplos a este respeito. " Página 13

Classificação:


A narração conta a história de Veronika, uma garota de 24 anos formada em Direito e que trabalha em uma biblioteca. Ela é bonita, tem um emprego estável, tem namorado(s) pois não consegue se prender a uma pessoa por muito tempo, mas que decide dar um fim em sua vida. Vive em Lubljana uma cidade da Eslovênia e logo após tomar uma grande dose de remédios decide se distrair e encontra um artigo sobre um jogo de computador, escrito por Paulo Coelho - que tinha uma imagem e de legenda: Onde é a Eslovênia? - e para passar o tempo, resolve escrever uma carta para a revista reclamando sobre isso. Sendo assim, assumem que ela se matou por causa do artigo. Porém ao longo do livro, descobrimos que ela havia decidido se matar em 11 de novembro de 1997 porque sua vida era monótona e ela não aguentava isso.
" Como julgar - num mundo onde se tenta sobreviver a qualquer custo - aquelas pessoas que decidem morrer? Ninguém pode julgar. Cada um sabe a dimensão do próprio sofrimento, ou da ausência total de sentido de sua vida." Página 21

Quando ela é encontrada em seu quartinho alugado em um convento, é levada para Villete - o sanatório local - passa alguns dias em coma e quando ela acorda (percebendo que sua tentativa foi frustrada) descobre que tem apenas uma semana de vida. Os remédios que ela tomou causaram uma rara condição em seu coração e ele não irá aguentar por muito tempo. Logo no primeiro dia ela conhece Zedka, uma mulher que foi internada no hospício por uma grave depressão e vinha fazendo um tratamento bastante perigoso. Porém Zedka -assim como tantos outros que estavam com pena de Veronika - dá uma dica para a moça: dentro do hospital existe um grupo chamado A Fraternidade e eles poderiam conseguir alguns  remédios e a garota poderia acabar o que havia começado.

" Veronika encerrou seu monólogo interior, e fez uma promessa a si mesma: não sairia de Vilette com vida. Era melhor acabar com tudo agora, enquanto ainda tinha coragem e saúde para morrer." Página 29

 Quando ela vai conversar com os membros do tal grupo, ela acaba se sentindo humilhada. E começa a perceber que de qualquer forma, ela é uma pessoa condenada. Começa a viver um dia de cada vez e quando a morte fica mais próxima, ela conhece um rapaz que muda seu destino. Eduard é o filho de um embaixador que foi internado por causa de uma esquisofrenia bem severa e não falava nada havia mais de 3 anos. Todas as noites ele puxa Veronika para a sala do piano e faz ela tocar para ele. E em uma dessas noites, eles dividem uma experiência que modifica a vida dos dois. 


 " Durante toda a sua vida, Veronika percebera que um imenso grupo de pessoas que conhecia comentavam os horrores da vida alheia como se estivessem muito preocupados em ajudar - mas na verdade se compraziam com o sofrimento dos outros, porque isto os fazia crer que eram felizes, a vida tinha sido generosa com eles. Ela detestava esse tipo de gente: não ia dar àquele rapaz nenhuma chance de se aproveitar do seu estado, para ocultar as suas próprias frustrações. Manteve os olhos fixos nos dele. E sorriu.
- Então não falhei.
- Não - foi a resposta. Mas o seu prazer em dar notícias trágicas havia desaparecido. " Página 33

O final do livro é extremamente surpreendente. A forma como a tentativa de suicídio da Veronika mudou tantas vidas (incluindo a dela). Como o medo a deixava uma pessoa frágil e como em alguns momentos ela fez tudo o que considerava proibído, afinal ela estava em um hospício e logo iria morrer. O próprio médico de Villete, Dr Igor, percebe essas mudanças dos internos. E quando a história de Veronika se completa, além dela mais 3 pacientes deixam Villete.

"Talvez os comprimidos - ou o tratamento para tirá-la da coma - a tivessem transformado numa mulher frágil, incapaz de reagir por si mesma. Já enfrentara situações muito piores na sua adolescência,e, pela primeira vez, não conseguira controlar o choro! Precisava voltar a ser quem era, saber reagir com ironia, fingir que as ofensas nunca a atingiam, pois era superior a todos." Página 43

A edição que eu li -é essa da foto - que foi publicada pela Editora Gold (que tem uma coleção com os livros do Paulo Coelho) é uma versão econômica, eu paguei 6 reais rs. Mas nada interfere na leitura que é extremamente fácil porque o autor não usa uma linguagem difícil e não faz uso de muitos termos técnicos. Ele apenas busca fazer uma estória - que tem muito em comum com sua vida, pois ele já foi internado em hospitais psiquiátricos três vezes - e se inclui na estória em apenas um curto capítulo. O livro tem 173 páginas e não é contado de forma linear, é escrito em terceira pessoa e nem todos os capítulos são sobre a protagonista. O autor investiga a vida dos outros internos, dos pais de Veronika e do médico responsável por Vilette. A adaptação para o cinema foi lançada em 2009 e é bastante fiel ao livro. Eu recomendo a leitura e o filme, são muito interessantes. Vale a pena dar uma conferida:



13 comentários:

  1. Tenho um livro dessa mesma edição aqui em casa, e ainda não li. Nunca li nada do Paulo Coelho, pra dizer a verdade. Só que tenho vontade de ler esse livro.

    Beijos,

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Esse não foi dos meus favoritos, mas tb gostei bastante, adoro Paulo Coelho e posso dizer q os livros dele me ajudaram bastante a não ser mais uma Veronika q decide morrer.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha Rafaella! Muito em breve pretendo ler Veronika Decide Morrer. Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Adoro os livros do Paulo Coelho!
    Fiquei doida para saber o final da história!!!
    Bjos,
    Carol

    http://www.carolgaia.com.br

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela excelente resenha, pretendo assistir este filme e ler o livro logo.


    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books
    @c_i_d_a

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca li nada do Paulo Coelho acredita, acho isso uma vergonha pois ele é um dos autores brasileiros qua mais vende dentro e fora do nosso país, eu preciso tirar o atraso e ler algum livro dele, eu acho até que vou escolher esse, eu já tinha ficado interessado nele quando vi a notícia do filme (eu gosto de ler o livro e depois ver o filme) e achei a história dele bem interessante.
    Boa resenha.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. Nunca li nenhum livro dele. E nem tenho muita vontade!kkk
    Mas gostei da história do livro e da sua resenha. Talvez mais tarde eu leia algo dele! rsrs
    bjaooo
    http://olhosleem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Eu vi o filme e gostei muito.
    Também li o livro e gostei mais ainda!!
    Adorei vc ter trazido isso!!
    Gostei mesmo!!

    Bjkas

    ResponderExcluir
  9. Já ouvi várias pessoas falarem desse livro, mas nunca tinha parado para ler uma resenha ou coisa do tipo dele. Gostei bastante da resenha, espero quando ler poder gostar também ! http://devaneioselivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. O Livro é Muiito boom ! Ja Li 3 vezes KK' Amo esse livro , Ficou otima sua Resenha Parabeéns '-'

    ResponderExcluir
  11. O Livro é maravilhoso '-' Já Li 3 vezes KK' Ficou Otima Sua Resenha Parabéens ((:

    ResponderExcluir
  12. Gostei muito da resenha. Li esse livro e achei a história surpreendente, ainda mais o final. Não sabia que tinha o filme e com certeza vou assistir! Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Eu estou tão doida para ler esse livro. Não li nada do Paulo Coelho ainda, mas já assisti ao filme, que posso dizer com toda certeza que é maravilhoso e se tornou um dos meus filmes favoritos!
    Tenho certeza de que não vou me arrepender de ler o livro e ele vai me levar à reflexões.
    Encontrei esse aqui: http://portugues.free-ebooks.net/ebook/Veronika-Decide-Morrer

    mas alguém sabe onde posso conseguir mais livros dele para baixar? Brigada!

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!