Páginas

19 outubro 2020

Resenha: Bom dia, Verônica - Andrea Killmore

|

Edição: 1
Editora: DarkSide Books
Ano: 2016
Páginas: 256

         

Em "Bom dia, Verônica", acompanhamos a secretária da polícia Verônica Torres, que, na mesma semana, presencia de forma chocante o suicídio de uma jovem e recebe uma ligação anônima de uma mulher desesperada clamando por sua vida. Com sua habilidade e sua determinação, ela vê a oportunidade que sempre quis para mostrar sua competência investigativa e decide mergulhar sozinha nos dois casos. No entanto, essas investigações teoricamente simples se tornam verdadeiros redemoinhos e colocam Verônica diante do lado mais sombrio do homem, em que um mundo perverso e irreal precisa ser confrontado.

Andrea Killmore compõe thrillers como os grandes mestres, e sua experiência de vida confere uma autenticidade que poucas vezes encontramos em suspenses policiais, vibrante e cruel — como a realidade. 



26 setembro 2020

Precisamos falar sobre o SETEMBRO AMARELO

|

Boa tarde, leitores.


A postagem de hoje é voltada para a campanha desse mês que tem como intuito a prevenção do suicídio. A saúde mental é extremamente importante e algumas pessoas acabam se descuidando dela, por isso é importante ter uma rotina equilibrada. Apesar deste momento de muitas incertezas deixo aqui meu apelo para que todos busquem alternativas para aliviar o estresse e já me coloco a disposição caso alguém queira conversar sobre o assunto.

 

Algumas leituras que fiz ao longo dessa jornada de blog me chamaram atenção e abordam sobre saúde mental, então deixarei aqui uma lista de obras sobre o assunto. 


 

    Coragem - Raina Telgemeier
    Dançando sobre cacos de vidro - Ka Hancock
         Garota, Interrompida - Susanna Kaysen
         Bipolar, memórias de extremos - Terri Cheney
         Reconstruindo Amelia - Kimberly McCreight
         Os 13 Porquês - Jay Asher
         Um ano solitário - Alice Oseman
         Garotas de Vidro - Laurie Halse Anderson
         Tartarugas Até Lá Embaixo - John Green
         A garota que tinha medo - Breno Melo
          Diário de uma ansiosa ou como parei de me sabotar - Beth Evans
          Jogo de Espelhos - Cara Delevingne, Rowan Coleman

 

 

Já leram algum desses títulos? Quais as suas impressões sobre a leitura?? Alguma dica de outros livros que abordem esse tema e os leitores da página possam procurar saber mais?

 

22 setembro 2020

Resenha: Malorie - Josh Malerman

|

Editora: Intrínseca
Ano: 2020

Páginas: 288


                                                


Doze anos se passaram desde que Malorie e os filhos atravessaram o rio com vendas no rosto, mas tapar os olhos ainda é uma regra que não podem deixar de seguir. Eles sabem que apenas um vislumbre das criaturas pode levar pessoas comuns a uma violência indescritível.

Ainda não há explicação. Nenhuma solução.

Tudo o que Malorie pode fazer é sobreviver... e transmitir aos filhos sua determinação. Não se descuidem, diz a eles. Fiquem vendados. E NÃO ABRAM OS OLHOS.

Quando eles tomam conhecimento de uma notícia que parecia impossível, Malorie se permite ter esperança pela primeira vez desde o início do surto. Há sobreviventes. Pessoas que ela considerava mortas, mas que talvez estejam vivas.

Junto dessa informação, porém, ela acaba descobrindo coisas aterrorizantes: em lugares não tão distantes, alguns afirmam ter capturado as criaturas e feito experimentos. Invenções monstruosas e ideias extremamente perigosas. Além disso, circulam rumores de que as próprias criaturas se transformaram em algo ainda mais assustador.

Malorie agora precisa fazer uma escolha angustiante: viver de acordo com as regras de sobrevivência que funcionaram tão bem até então, ou se aventurar na escuridão e buscar a esperança mais uma vez. [+]