Resenha: A mulher do viajante no tempo - Audrey Niffenegger


Editora: Suma de Letras
Ano: 2009
Páginas: 453


Henry sofre de um distúrbio genético raro. De tempos em tempos, seu relógio biológico dá uma guinada para frente ou para trás, e ele se vê viajando no tempo, levado a momentos emocionalmente importantes de sua vida tanto no passado quanto no futuro. Causados por acontecimentos estressantes, os deslocamentos são imprevisíveis e Henry é incapaz de controlá-los. A cada viagem, ele tem uma idade diferente e precisa se readaptar mais uma vez à própria vida. E Clare, para quem o tempo passa normalmente, tem de aprender a conviver com a ausência de Henry e com o caráter inusitado de sua relação.



Classificação:    


"  - Como você nunca aceitava, me deixava ainda mais determinada a conseguir o que eu queria. Acho que você pensava que ia me perverter sexualmente, de alguma forma. Em alguns aspectos, você era muito paternal. 
-Ah. Vai ver que isso é uma coisa boa, mas, no momento, não quero que pense em mim como paternal. - Nossos olhares se encontraram. Trocamos um sorriso conspiratório. - E o inverno? Os invernos de Michigan são bem rigorosos." Página 20


Ano passado assisti Te amarei para sempre e fiz a resenha no blog Literata. Algum tempo depois vi que o filme em questão era baseado em um livro e, apesar de ter achado o filme superficial, fiquei interessada em ler a obra e quem sabe modificar a minha opinião sobre a produção. Logo de início já posso afirmar: ainda bem que li. Mudou completamente a minha visão sobre o enredo do filme e clareou bastante aquela imagem de filme superficial já que, assim como tantas adaptações, não pode mostrar todas as nuances que são apresentadas durante a leitura.

A mulher do viajante no tempo nos conta a história de Clare e Henry, um casal nada convencional que se encontra poucas vezes por ano, já que Henry é oito anos mais velho e Clare e além disso, viaja no tempo.  Henry e Clare se conhecem com 36 e 6 anos, respectivamente. Desde então Henry visita a pequena Clare e com o passar dos anos essa amizade vai sendo modificada e um amor começa a florescer. No tempo real, Henry com 28 e Clare com 20, o casal se encontra e pode - enfim - manter um relacionamento amoroso. 


" - Bom, tecnicamente, sou seu marido. Já que você ainda não se casou, acho que a gente poderia dizer que você é minha namorada.
Clare põe a mão onde provavelmente não deveria.
- Eu preferia ser sua amante.
- Você tem 16 anos, Clare." Página 84


O livro é narrado em primeira pessoa, sendo que há a divisão entre as cenas narradas por Clare e as que são narradas por Henry. Há também ao início de cada divisão a data, idade dos personagens e o local em que a cena está acontecendo para que o leitor não fique confuso já que as viagens de Henry acontecem para qualquer lugar e ano, não sendo possível identificar apenas pelos personagens estas informações. 

A obra é o que faltava para que eu gostasse da adaptação para as telonas, pois pelo que me lembro do filme ele foi bem fiel ao livro em que foi baseado. A capa nos mostra a clareira e a pequena Clare, parte fundamental da história. A diagramação é boa, mas essa edição precisa de uma melhor revisão já que encontrei falhas de digitação, incoerências ao citar o nome de personagens e demais problemas nesse quesito e, infelizmente, foi por isso que diminuí a nota da obra. O livro é indicado para os românticos de plantão, mas não se deixe enganar, pois o livro também conta com cenas pra lá de sensuais.



" Henry tinha muita coisa que não ia me contar, e quase nunca me deixava chegar perto dele, então eu sempre tinha uma sensação intensa de insatisfação. Quando finalmente o encontrei no presente, achei que seria assim. Mas, na verdade, é muito melhor, em muitos aspectos. Em primeiro lugar, em vez de se negar a encostar em mim, Henry vive me tocando, me beijando, fazendo amor comigo. " Páginas 141 e 142

9 comentários:

  1. Nossa, não sabia que tinha um filme desse livro, preciso lê-lo mesmo, já vi o filme e achei o mesmo que você, muito superficial, preciso ler pra mudar minha opinião, adoro romances, e esse livro é mais que recomendado pra mim! :D

    ResponderExcluir
  2. De inicio pensei que fosse meio inocente mesmo, mas depois dessa ultima quote acho que não tem como manter essa opinião.
    Não vi o filme e nem li o livro,mas ele já foi acrescentado a minha lista de leitura *o*

    ResponderExcluir
  3. Oi, eu não conhecia o livro, nem sequer fazia ideia que já tivesse uma adaptação, parece que o livro é super interessante, fiquei curiosa para conhecer melhor a historia, pois ela parece ser linda.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  4. Falam super bem do filme e do livro, mas até agora não senti muita vontade de ler e nem assistir.
    Acho que futuramente eu possa ler... mas no momento não estou muito interessada.

    ResponderExcluir


  5. "- Eu o amo. Ele é a minha vida. Ando esperando por ele a vida inteira e, agora, ele está aqui. - Não sei como explicar. - Com Henry, vejo tudo estendido, como um mapa, passado e futuro, tudo de uma vez, feito um anjo... - Balanço a cabeça. Não sei dizer com palavras. - Posso chegar nele e tocar no tempo... ele me ama. Nos casamos porque... somos parte um do outro ... - Vacilo. - Já aconteceu. Tudo de uma vez. - Espio Gomez para ver se o que eu disse fez algum sentido."

    ResponderExcluir
  6. Várias pessoas já me indicaram esse livro muitas vezes e eu sempre fico de ler, mas acabo não lendo. A história parece ser ótima e o romance contido no livro parece ser complexo, o que me agrada. Não gosto de livros água com açúcar.
    Tentarei lê-lo em breve.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista

    ResponderExcluir
  7. Ainda não conhecia esse livro mas gostei bastante dele, a história é diferente e de algum modo ele me chamou a atenção. Quero muito ler e conhecer mais dessa história.
    Beijos
    the-universe-of-books.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi, Não sabia que este filme era sobre este livro, eu adorei o filme e então vou amar ainda mais o livro, pq filmes sempre ficam beeem abaixo da obra original,
    acho a capa desse livro linda, já queria comprar ele, agora fiquei mais empolgada.
    Bjos

    ResponderExcluir
  9. Esse livro parece ser bem interessante, porque é uma temática diferente e deve ser bacana tentar ver como é para os personagens essa questão de viagem no tempo; para ele, que tem que se acostumar com momentos diferentes da sua vida, sem ter um contínuo; e para a namorada, que tem que se acostumar em não estar com ele em todos os momentos. Fiquei interessada!

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!