Resenha: Inacreditáveis (Pretty Little Liars #4) - Sara Shepard

Editora: Rocco
Ano: 2011
Páginas: 352
Tradutor: Fal Azevedo

No quarto livro da série Pretty Little Liars, a vida charmosa das quatro amigas se torna um verdadeiro pesadelo. Emily foi morar com seus primos ultraconservadores. O namorado de Aria está atrás das grades – por causa dela. Spencer pode estar envolvida no sumiço de Alison. E Hanna luta por sua vida no hospital porque sabia demais. Os oito livros da série venderam mais de 2 milhões de exemplares apenas nos Estados Unidos e deram origem ao seriado homônimo da TV americana, que estreou em março no país pela Boomerang.

Classificação:     



"A cabeça da boneca se encaixou perfeitamente no buraco da mão de Spencer, a boca retorcida em um sorriso provocativo, os olhos de um azul safira. Uma onda de náusea tomou Spencer. Ela não tinha notado antes, mas a boneca parecia exatamente com... Ali." Página 86


Inacreditáveis é o quarto volume da série Pretty Little Liars e vocês já devem ter percebido pela classificação que eu amei a leitura. Grande parte disso foi porque o livro deixa a Hanna em evidência e, como já falei em todas as resenhas até agora, ela é e sempre será a minha favorita. Esse livro pode ser encaixado na metade para o final da segunda temporada da série de TV e este também é um ponto pelo qual me apaixonei pela leitura, pois para mim a segunda metade da segunda temporada foi a melhor da série até agora. As reviravoltas e a agonia para descobrir quem é a pessoa que está chantageando as garotas é feroz e deixa aqueles que estão acompanhando ambas as séries de cabelos em pé. 

Depois do acidente de Hanna ela passa alguns dias no hospital e novas alianças são formadas. Por exemplo, Mona volta a tratar Hanna como amiga e oculta as situações com que fez a melhor amiga passar vergonha. Por outro lado, Lucas percebe isso e faz com que Hanna comece a abrir o olho e identificar que Mona não é tão sua amiga assim. Aria foi expulsa de casa novamente e agora não tem para onde ir. Spencer ainda está enfrentando todo o drama que a indicação ao Orquídea Dourada lhe proporcionou. E Emily foi mandada para Iowa para a casa de seus tios já que seus pais não conseguem aceitar sua orientação sexual. Sem mais delongas, o livro nos mostra como as garotas voltam a se aproximar depois de quase perderem Hanna, que agora precisa se lembrar dos dias que antecedem seu acidente. Esta será uma longa jornada para as quatro amigas. 


"Emily tinha tido o cuidado de não fazer perguntas a Hanna desde que recebera o último bilhete de A, mas ainda se perguntava se elas deviam procurar a polícia - isso já tinha ido longe demais. E se A tivesse não apenas atropelado Hanna, mas também assassinado Ali, como Aria havia sugerido outro dia? Mas talvez Mona estivesse certa: A estava por perto, vigiando cada passo delas. A saberia se elas contassem." Páginas 189 e 190


Sara Shepard tem um dom de amarrar suas histórias e torná-las completamente viciantes. Meu primeiro contato com a autora foi por meio de The Lying Game, pois como já havia assistido Pretty Little Liars dei a chance de conhecer a outra série de livros antes da estreia na TV e não me arrependi. A leitura dos dois primeiros volumes de PLL eu fiz há algum tempo e recentemente pude comprar os volumes que me faltavam (ou pelo menos até o livro 8) e retornei à leitura da série. Sem dúvidas, Inacreditáveis foi o melhor até agora. Os outros livros não me cativaram tanto quanto esse, pois a narração não era tão forte e as ameaças eram mais brandas. Agora o clima está ficando pesado, acidentes e mortes estão acontecendo mais do que o desejado e as quatro amigas não sabem quem será a próxima vítima.

A leitura é fluida e mais rápida do que gostaríamos. Cada livro possui cerca de 300 páginas que sempre mostram aos leitores que essa história está longe de acabar. A capa é uma das que eu menos gostei e a revisão deixou a desejar, porém estes pontos foram contrabalanceados com a ótima história proposta por Shepard. Neste volume não há enrolação e as ameaças são extremamente diretas e um elemento que está presente com maior apelo em Inacreditáveis é a polícia, tornando as ameças bem mais severas do que eram quando apenas as quatro meninas sabiam que estavam sendo chantageadas. Sem dúvidas, é um dos livros que mais me conquistou nos últimos dias e como sou apaixonada por mistério pretendo continuar a leitura da série o mais rápido possível. 


"Mona pegou o braço de Spencer e elas abriram caminho pela multidão, em direção à saída principal da tenda. Emily deu um sorriso encorajador para Hanna, com o coração apertado. 
- Não me deixe - disse Hanna baixinho, aterrorizada.
- Eu não deixarei - garantiu Emily. Ela pegou a mão de Hanna e a apertou com força, mas não pôde deixar de observar a multidão, nervosa." Páginas 279 e 280


22 comentários:

  1. já ouvi falar, mas nunca li os livros e nem assisti a série.....Vou colocar os livros na minha "pequenina" lista de livros desejados
    bjo

    ResponderExcluir
  2. Amo, amo, amo a série de tv. Já li os 2 primeiros livros e devo confessar, gostei, mas tenho uma quedinha maior pela série de tv. Vou continuar lendo os livros para ver se mudo de idéia!

    Adorei sua resenha. Beijos e boas leituras!

    bruxinhaleitora.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Nossa adorei a resenha. Já tinha visto alguma coisa dessa série na TV, pensei que fosse mais menininhas. Mas pela sua resenha me enganei adoro livros com mistério, tô muito curiosa quanto ao desfecho dessa serie, com certeza vou adquirir essa serie pra mim. :D

    ResponderExcluir
  4. Não tinha uma relação muito boa com PLL, mas estou repensando meus conceitos,pra mim antes era como se fosse uma copia de Gossip girl :s,estou vendo que não é bem assim ...

    ResponderExcluir
  5. Pela sua resenha, deu para perceber que você realmente gostou mais desse livro do que dos outros, pareceu mais empolgada ao falar desse, assim eu fico com mais vontade de ler!

    ResponderExcluir
  6. Eu acho todas as capas bem bonitinhas...gostei dessa parte na serie da tv também, mas aff...essas series são interminaveis e eu nunca consigo completar as que tenho aqui, e dificilmente tem uma promo legal p a gente comprar...quem sabe não é dessa vez que arrecado tudo de uma vez e posso ter o prazer de ler logo essa serie? Veremos né. Bjksss

    ResponderExcluir
  7. Li apenas o volume 1 desta série, e acabei deixando de lado o restante dos livros.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  8. Essa é a parte do livro aonde eu não vi na série ainda, gostaria de continuar a assistir mas prefiro dar um tempo na série e começar a ler os livros, quem sabe eu descubra realmente quem é -A antes de me enrolar toda vendo a série.
    Beijos
    the-universe-of-books.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, eu ainda não li nem o primeiro livro ainda, mas fiquei curiosa para ler, depois que li a sua outra resenha de um livro da série, parece que ela é muito boa, e eu estou super curiosa para conhecer ela melhor.
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  10. Ainda não li nada dessa série =(
    Mas amo a série de tv kkkkkkkkkkkkkkkkkk então eu queria muito ler os livros, apesar de serem bem diferentes (Igual em TVD né u.u) Eu queria muito conhecer =)

    ResponderExcluir
  11. Não gosto muito de livros do gênero e a sinopse e a resenha não me cativaram. Dessa vez, eu passo a leitura.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista

    ResponderExcluir
  12. Amo a série Pretty Little Liars!
    Espero gostar dos livros também!!

    ResponderExcluir
  13. Agora é que esse mistério todo vai ter fim estou ansiosa

    ResponderExcluir
  14. Série boa é isso: A coisa vai melhorando a cada volume lançado. É muito legal ver a evolução da trama em todos os sentidos. Não apenas na narrativa da autora, mas na questão de agilidade e amarração da trama. A Sara Shepard me parece ser genial nisso.

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  15. Eu quero muuuuuuuito esse livro,to ansiosa pra saber quem é A já !!

    ResponderExcluir
  16. Não acompanho a série, mas estou cada vez mais interessada nos livros, parecem muito bons. Gosto muito de saber que a cada volume lançado o enredo vai melhorando e evoluindo, continua parecendo prender bastante a atenção do leitor. Muito bom cada livro mostrar um pouco mais de cada personagem, a trama desta série parece ter sido muito bem construída.
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Se a Hanna está em evidência nesse livro, a boneca da capa representa ela?
    Que estranho, kk. Sempre comparo as capas com as personagens da série, e é bem complicado deixar de imaginar a atriz da série quando se está fazendo a leitura (Jogos Vorazes feelings).
    Parabéns pela resenha (:

    Abraços, Mallú Ferreira
    semclichesporfavor.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Mallú. Sabe que não tinha reparado nisso, mas, sim, acredito que a boneca da capa é a Hanna já que ela é ruiva nos livros. A Spencer é loira, hahahaha uma confusão que só. Mas assim como você lembro das meninas da série, então as descrições do livro passam quase em branco :)

      Beijão.

      Excluir
  18. Fiquei supresa ao ler sua resenha e descobrir outro trabalho de Sara Shepard! Adorei e já quero ler e saber de tudo, ainda mais depois de ser super bem indicado!! Obrigada!

    ResponderExcluir
  19. Já amo a serie, to doida pra começar os livros

    ResponderExcluir
  20. Gente, esses mistérios não acabam nunca! Quando uma coisa se resolve a outra complica. To louca pra ler

    ResponderExcluir
  21. Iria gostar muito destelivro com certeza.

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!