Resenha: Cidade dos Ossos - Cassandra Clare / Os Instrumentos Mortais - Vol.1

Editora: Galera Record
Ano: 2012
Páginas: 462
Tradutor: Rita Sussekind

Um mundo oculto está prestes a ser revelado... Quando a jovem Clary decide ir para Nova York se divertir numa discoteca, ela nuca poderia imaginar que testemunharia um assassinato - muito menos um assassinato cometido por três adolescentes cobertos por tatuagens enigmáticas e brandindo armas bizarras. Clary sabe que deve chamar a polícia, mas é difícil explicar um assassinato quando o corpo desaparece no ar e os assassinos são invisíveis para todos, menos para ela. Tão surpresa quanto assustada, Clary aceita ouvir o que os jovens têm a dizer... Uma tribo de guerreiros secreta dedicada a libertar a terra de demônios, os Caçadores das Sombras têm uma missão em nosso mundo, e Clary pode já estar mais envolvida na história do que gostaria.



Classificação:      



" - Não - disse Jace mal-humorado. - As Marcas são apenas partes de um todo. Existem testes, provações, níveis de treinamento... ouça, esqueça isso, tá? Fique longe das minhas lâminas. Aliás, não toque em nenhuma das minhas armas sem permissão.

- Lá se vai meu plano de vendê-las no eBay - resmungou Clary.
- Vendê-las onde?
Clary sorriu maliciosamente para ele.
- Um lugar místico de grande poder mágico." Página 103


Cidade dos Ossos é o primeiro volume da série Os Instrumentos Mortais, escrita por Cassandra Clare e publicada no Brasil pela Editora Galera Record. Os livros acabaram me chamando atenção por causa da capa, confesso que fiquei encantada com as artes e o brilho presente nas imagens. Quando li resenhas positivas acabei me motivando a comprar, mas o preço estava salgado e esperei até as famosas promoções do Submarino. Mesmo tendo as obras em mãos, deixei por meses até que semana passada resolvi ler e agora me pergunto qual era o motivo para demorar para ler? Adorei o início da série e já estou terminando Cidade de Vidro, os livros são extremamente viciantes. Já assisti a adaptação para as telonas (quando terminei a leitura) e percebi que MUITAS cenas foram mudadas, mas ambos me agradaram. 

A história de Cidade dos Ossos é voltada, a princípio, para as descobertas de Clarissa Fray uma jovem de 15 anos que testemunha um assassinato. Em um dia ocioso ela e seu melhor amigo, Simon, decidem ir até uma boate local e Clary vê alguns estranhos matando um jovem que havia chamado sua atenção. Porém estes estranhos só eram vistos por Clary, o que gerou desconforto para os dois lados. Quando procurada por Jace Wayland, Clary descobre um mundo bem diferente do que estava acostumada e é introduzida à rotina dos Caçadores de Sombras, guerreiros que lutam contra demônios, vampiros, bruxos e lobisomens que não respeitam o que foi estipulado pelos Acordos. 



" Ela imaginou se era errado o fato dela estar satisfeita pelos homens que levaram sua mãe serem os mesmos que mataram o pai de Jace anos antes. Pelo menos por enquanto, ele teria de ajudá-la a encontrar Jocelyn, querendo ou não. Pelo menos por enquanto, não poderia deixá-la sozinha." Página 133



Isabelle e Alec, irmãos  de criação de Jace, não aceitam bem a vinda da garota para o Instituto e começam a tratá-la com rispidez, chamando-a de mundana. Clary é forçada a aguentar já que eles são sua única esperança em recuperar sua mãe, que desapareceu. Aos poucos Clary vai mergulhando em suas origens e as descobertas mudarão sua vida para sempre, assim como as dos que a cercam.

Cassandra Clare conseguiu criar um mundo totalmente diferente do sobrenatural que estamos acostumados e desenvolveu uma história fluida e deliciosa. A autora conseguiu trabalhar, com maestria, todos os personagens secundários e fazia com que aqueles que apareciam menos tivessem total importância no desenrolar da trama. Clary, a princípio, é uma personagem egocêntrica e um tanto dramática, mas com a evolução da história ela consegue se transformar em uma adolescente que podemos aturar. Por outro lado, quem mais me cativou foi Isabelle e todo seu jeito de bad-girl, ri em muitas das suas cenas e sem dúvida ela é uma das razões para continuar lendo as obras em ritmo acelerado. 

A única área em que a obra pecou foi na revisão, motivo pelo qual dei apenas quatro na classificação. A revisão deixou a desejar já que encontrei palavras erradas e a frequente ausência de travessão no início e final de falas de personagens que tinham seguimento com texto. Como a minha edição é a oitava, acredito que estes pontos já foram solucionados, mas não deixam de incomodar. Se você ainda não leu Cidade dos Ossos, não perca tempo e corra conferir a maravilhosa história que nos foi concedida. 


"Ela trazia o caderno de desenho, os cabelos brilhantes escapando do elástico. Ele se apoiou na porta, ignorando o jorro de adrenalina produzido ao vê-la. Ele imaginou o porquê, e  não foi a primeira vez. Isabelle utilizava a beleza como utilizava o chicote, mas Clary não fazia a menor ideia de que era linda. Talvez fosse por isso." Página 311

9 comentários:

  1. com certeza esse livro é um dos próximos que irei adquirir. Já assisti o filme e amei, e como eu sei que o livro sempre tem situações surpreendentes vou lê-lo.

    ResponderExcluir
  2. Eu tava louca pra ler o livro, ai minha mãe alugou o filme e eu acabei assistindo metade kkkkkk
    Enfim, tô com medo de ler e ficar meio desmotivada! Mas tô só espeando a oportunidade, parece ser uma ótima série. http://411dreams.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Amo a série Instrumentos Mortais. Terminei de ler o 5o livro e agora estou aguardando o lançamento do 6o e ultimo livro *-*
    Adoro o senso de humor da Isabelle! Já a postura da Clary vai melhorando ao longo dos livros, não se preocupe. rs

    ResponderExcluir
  4. Essa é uma das series que eu quero muito ler, com certeza vai ta entre minha próximas comprinhas. Sua resenha ficou ótima, deu para perceber que a trama é bem envolvente e viciante *--*

    Meu Mundo, Meu Estilo

    ResponderExcluir
  5. Vejo todos comentarem sobre a série, mas até agora não me interessei pela própria. Não gostei de nada do livro!

    ResponderExcluir
  6. Essa é uma série que eu pretendo ler, com certeza.
    As capas são lindas né? Uma pena que as novas são diferentes, ao menos as que eu vejo.

    ResponderExcluir
  7. huahuaua é claro que eu necessitava vir comentar aqui justamente nessa resenha né! Jace ♥ suspiros. Estou tão feliz que você tenha gostado do livro, mesmo tendo ficada tarada pelo chato do Simon, ele é muito mundano para o meu gosto kkkkkk. Não vejo a hors de sair o último livro. Ahh sobre a revisão eu tbm achei meio porquinha O.o mas acho que deve ter melhorado! bjo xoxo

    ResponderExcluir
  8. Eu ainda não li nenhum livro da Cassandra, mas pelo que li, os livros dela são excelentes!! Estou muito interessada em lê-los!!

    ResponderExcluir
  9. Ainda não tive a oportunidade de ler essa série, mas tenho muita vontade de ler. Achei a sinopse desse primeiro livro sensacional e a sua resenha só me fez ter mais certeza de que o livro deve ser muito bom!

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!