Resenha: Adeus, Facebook - O Mundo Pós-Digital / Jack London


Adeus, Facebook - O Mundo Pós-Digital
Textos essenciais para compreender o futuro das mudanças e as mudanças do futuro.

Editora: Valentina
Ano: 2013
Páginas: 180

SARAIVA - CULTURA


Parar e pensar sobre como as novas tecnologias transformarão o mundo parece algo impossível de se fazer. Sempre preocupadas em atualizar o status online, cada vez mais as pessoas têm menos tempo livre. Além disso, a natureza volátil das redes sociais permite que tudo nessas plataformas possa mudar de um dia para o outro. Este novo cenário já alterou a forma de empreender tanto no Brasil quanto no mundo. Empresas como o Google e o próprio Facebook surgiram do nada e hoje são gigantes no mercado, enquanto outras que eram consideradas quase infalíveis tiveram que se readaptar para não morrer. A forma de empreender mudou. Ao mesmo tempo, as marcas nunca estiveram tão conectadas com seu público e a criatividade não tem limite. Barreiras linguísticas e geográficas estão ficando sem importância, e aquele que deseja empreender deve saber que seu público alvo pode estar do outro lado do mundo, da mesma forma que seu concorrente direto. Surgiram startups com sucesso em um dia e desastre noutro. Quantas empresas conseguiram, de fato, se manter no mercado com mais de 1 ano de existência? Como aprender com elas para não cometer os mesmos erros?

Classificação:      



" Estaremos vivendo o tempo do fim da informação e da reflexão duradoura?" Página 44

Apesar de o livro Adeus, Facebook - O Mundo Pós-Digital ser bem diferente do que eu esperava quando solicitei a obra à Editora Valentina, posso afirmar que o livro é diferente de uma forma positiva. Logo no início da leitura eu percebi que a obra era bem diferente das leituras convencionais sobre as mídias e tecnologias em geral, uma vez que Jack London  fez a divisão da obra em cinco partes e cada uma delas apresentava capítulos divididos em forma de textos que já foram publicados e que fazem abordagens variadas sobre um mesmo tema. 

A única parte da obra  que não consegui me interessar foi a primeira, intitulada  " O Mundo Pós-Digital", mas não estranhem: oh, ela não gostou do que o livro aborda. Muito pelo contrário, nesta primeira parte o autor começa desde o princípio a abordar sobre como o mundo era regido antes das tecnologias. E, também, como foi a inserção de celulares, computadores, tablets e demais aparatos eletrônicos na rotina das pessoas e agora estes aparelhos tornaram-se indispensáveis para qualquer área de nossas vidas. 

Com uma abordagem bem trabalhada, e em algumas vezes bastante engraçada, Jack London mostra como estas tecnologias que sempre são criadas aos montes estão intrinsecamente ligadas à existência do homem atual. As grandes invenções como, por exemplo, a energia e o saneamento básico tornaram-se obsoletas tendo em vista a quantidade de aparelhos lançados anualmente. 

O que chama bastante atenção nos textos de Jack London é que ele cita acontecimentos atuais da vida em sociedade para fundamentar suas teorias como, por exemplo, foram citadas ao longo da obra a novela Avenida Brasil e a trilogia Cinquenta Tons de Cinza, confesso que em ambas as citações eu me acabei de rir. 


"Quem sabe é a literatura? O bestseller internacional de 2012/13 é um livro escrito por uma mulher que ressalta as delícias do sadismo "light" e o uso sofisticado da violência nas relações sexuais. Qual a distância desse sucesso impresso no velho papel e a ideia de "descontrole"? Traduzindo em bom português, é uma espécie de me serve, vadio." Página 115

Apesar de ser um livro sobre tecnologias e suas consequências na vida humana a obra Adeus, Facebook - O Mundo Pós-Digital não é enfadonha e o leitor à partir de um momento se vê tão conectado com as palavras de Jack London que torna-se impossível largar o livro e fazer outra atividade. A leitura é bastante rápida e a cada artigo há uma citação destacada que ilustra perfeitamente o que é abordado no capítulo que está sendo lido. As páginas amarelas da obra facilitam bastante a leitura e há alguns destaques e listas que sempre estão em negrito e itálico, o que facilita bastante a identificação e releitura. Não sei nem o que falar sobre a capa, se vocês acham que esta imagem ilustra a beleza dela, não podem deixar de conferir a do livro impresso. É maravilhosa e como falei no Twitter uma vez, tive de começar a leitura um pouco depois do previsto porque meu irmão se apaixonou pela capa e sequestrou meu livro por alguns dias. Leitura recomendada principalmente para aqueles que de alguma forma estão conectados com a internet como, por exemplo, blogueiros, comunicadores (um motivo para eu, constantemente, ler obras sobre tecnologias), publicitários e redatores, mas se você se interessou não deixem de conferir. Lembro-me que na divulgação da obra diversos leitores se interessaram pelo livro, leiam e não irão se arrepender. Não vejo a hora de o lançamento em Curitiba acontecer para eu conhecer o autor, Jack London. 


" Viver e renovar-se permanentemente, transformando experiências e escombros pessoais em gestos positivos deve ser nossa agenda diária. Experimente em 2013 e em 2014 reciclar sua existência sem medo, sem jogar fora o passado. Freud dizia que o passado sempre volta, que ele é o "eterno reprimido que retorna"." Página 175


15 comentários:



  1. A temática do livro é bem interessante, até porque, realmente, existem pessoas que não conseguem se imaginar sem acesso as redes sociais, e tem um outro detalhe tbm, as vezes as redes perdem a popularidade, mas já existem outras que estão as portas para substituí-las, um exemplo é o orkut, que perdeu espaço para o facebook. Gostei da proposta...

    Bjok

    ResponderExcluir
  2. Eu já tinha me interessado pela temática quando você postou a sinopse e agora com a sua resenha isso só aumentou. Gostei do livro ser formado por artigos, é bem diferente de tudo que eu já li.
    Adorei o livro, já coloquei na minha listinha de desejados!

    ResponderExcluir
  3. Oi Oi Rafitcha, sabe que depois que li minhas dúvidas acabaram rs vou solicitar o livro se ainda der tempo, bom não sei se vou curtir tanto, mas deve ser no mínimo interessante e eu vou me aventurar.

    ResponderExcluir
  4. Eu gostei muito desse livro!
    Gostei do tema e espero ler em breve. Gostei muito dos quotes!!

    ResponderExcluir
  5. Estou muito curiosa com esse livro, até porque sou uma viciada em redes sociais. rs

    ResponderExcluir
  6. Tudo bem que o livro trás um assunto atual e que esta sempre na mídia. Entretanto não me chamou atenção e nem me agradou tanto.
    Claro que essa é uma opinião de um primeiro momento, quem sabe com a leitura eu mude de opinião né?

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito da temática do livro, pois traz um assunto que faz parte da vida de todo mundo. Afinal estamos conectados no mundo digital de alguma maneira. Eu fiquei muito curiosa para ler o livro.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Já ouvi falar do livro e muitas críticas boas, de início não me interessei muito por ele. Meu gosto é mais ficção mesmo, com romance, suspense e etc. Porém, o tema parece super interessante!

    ResponderExcluir
  9. Rafa, o livro é bem atual né... por citar Avenida Brasil!! Imagino as gargalhadas. Gosto de livros assim, sempre me pego pensando em quando não havia certas tecnologias, por exemplo, o que eu estaria fazendo nesse momento se eu não conhecesse os blogs literários, que aliás, adooooro!

    Bye da Pah
    Livros Estrelas

    ResponderExcluir
  10. Eu gostei desse livro. acho até que vou dar uma refletida de como era meu passado sem as redes sociais e como será o FUTURO; Gostei disso! Achei também que o livro cai um pouco para o lado informativo, nao? Ah.., leria! :D

    ResponderExcluir
  11. Fiquei interessada em ler o livro só pelo titulo, depois de ler a sinopse vi que ele tem uma temática bem legal... Enfim, como uma pessoa viciada em redes sócias, tou muito curiosa pra ler rs

    ResponderExcluir
  12. SEGUIDORA : ANDRESSA NUNES

    Tema interessante, bem abordado na resenha, nos dando uma boa noção do enredo, vale a pena dar uma conferida

    ResponderExcluir
  13. Confesso que não sou muito fã de livros desse estilo, mas o tema abordado é tão interessante e atual, que acabei ficando curioso pra ler. E depois dessa resenha, vi que não é tão técnico quanto eu imaginava que era. Se tiver oportunidade, lerei, sim!

    @_Dom_Dom

    ResponderExcluir
  14. O estilo de formatação do livro me lembrou, pelo descrito por você, livros de auto-ajuda. Já quero ler esse livro à um tempinho já, desde que o ví em uma estante no skoob. Sou fissurada em tecnologia, e acho que seria uma boa ler sobre. Minha mãe me diz que, na época em que ela tinha quase a minha idade, acreditava-se que teria-se um avanço espacial, com o descobrimento de planetas, e naves que chegassem mais rápido no espaço e etc, e que no entanto, houve um avanço em um aspecto em que as pessoas da época não imaginavam que teria, que são as nossas tecnologias atuais, os nossos meios de comunicação e tudo o mais. Acho esse tema bem interessante, creio que nós que nascemos nessa era da tecnologia devemos saber ao menos um pouco sobre, e espero ler um livro em um futuro próximo (:

    ResponderExcluir
  15. Ótimo texto de resenha. Meus parabéns! Amei a maneira que vc usou para se expressar, me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura...a capa do livro é linda ela traz o universo como tema.
    http://www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?nitem=78725243

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!