Resenha: A Garota do Lago - Charlie Donlea

Editora: Faro Editorial
Ano: 2017
Páginas: 296

ALGUNS LUGARES PARECEM BELOS DEMAIS PARA SEREM TOCADOS PELO HORROR...

Summit Lake, uma pequena cidade entre montanhas, é esse tipo de lugar, bucólico e com encantadoras casas dispostas à beira de um longo trecho de água intocada.
Duas semanas atrás, a estudante de direito Becca Eckersley foi brutalmente assassinada em uma dessas casas. Filha de um poderoso advogado, Becca estava no auge de sua vida. Atraída instintivamente pela notícia, a repórter Kelsey Castle vai até a cidade para investigar o caso.

E LOGO SE ESTABELECE UMA CONEXÃO ÍNTIMA QUANDO UM VIVO CAMINHA NAS MESMAS PEGADAS DOS MORTOS...

E enquanto descobre sobre as amizades de Becca, sua vida amorosa e os segredos que ela guardava, a repórter fica cada vez mais convencida de que a verdade sobre o que aconteceu com Becca pode ser a chave para superar as marcas sombrias de seu próprio passado...


Classificação:      



"Do nada, uma pequena narrativa tomava forma a respeito da vida e morte de Becca Eckersley. Existiam diversas lacunas na história e muitas perguntas sem resposta. Contudo, o processo se achava em movimento e Kelsey sabia, como um trem que desce morro abaixo, que não havia possibilidade dessa história ser freada e não ganhar as páginas da revista." Página 102


A Garota do Lago foi publicado em 2017 pela Faro Editorial e escrito por Charlie Donlea. Antes de comprá-lo não havia visto nada sobre a obra, durante minha busca no Dia da Mulher no site da Saraiva acabei me deparando com o livro e gostei bastante da sinopse. Logo que chegou fiquei tentada a lê-lo, afinal queria ler algo diferente do que estava lendo na ocasião.

O livro começa dando ao leitor uma visão do que aconteceu com Becca Eckersley, uma estudante dedicada e filha de um conhecido advogado, a garota cursava pós-graduação e havia ido ao chalé da família em Summit Lake para um final de semana voltado para os estudos.
Ao chegar à cidadezinha, Becca passou o dia inteiro estudando em um café de uma conhecida da família, ao voltar para casa recebe um conhecido e acaba sendo morta. 

Duas semanas depois do assassinato de Becca Eckersley, Kelsey Castle volta ao trabalho como jornalista, mesmo ainda não tendo acabado seu período de afastamento. Seu chefe faz questão de mandá-la para Summit Lake investigar o assassinato da jovem, pois nada parecido havia acontecido na região e os jornalistas têm faro para matérias interessantes.

Embarcando na investigação de refazer os passos da jovem mulher, Kelsey conversa com um médico e o policial responsável pela investigação do assassinato que, até então, não tinha ninguém na lista de suspeitos. Todas as provas do caso estavam sendo escondidas, Kelsey começa a xeretar por todos os lados para tentar entender o porquê da polícia não estar investigando com todo o seu potencial o que acontecera com a garota Eckersley.

Aos poucos a vida de Becca vai tomando forma diante das buscas de Kelsey e ela pôde começar a vê-la na jovem garota brutalmente assassinada, então é preciso encarar aqueles que buscam prejudicar a sua investigação e por fim descobriu o que aconteceu com a garota em Summit Lake. 

Os capítulos são intercalados entre a vida de Becca Eckersley e a busca de Kelsey Castle por respostas. Então o leitor, assim como a jornalista, vão conhecendo um pouco mais dos detalhes da vida da reservada Rebecca até o ponto de seu assassinato. Kelsey também passou por um trauma, o que a faz pensar que poderia ter sido ela a garota morta, dando ainda mais perseverança para revelar o que aconteceu no chalé em Summit Lake

Este é um livro de suspense que prende o leitor, apesar de deixar algumas pontas soltas e fatos não bem resolvidos ao longo da leitura. O desfecho é algo que acabou não me agradando muito, durante a leitura fiquei ansiosa para entender o que aconteceu com Becca em seu último dia, pegando qualquer pista que o autor jogava na narração, porém a conclusão foi bem simples tendo em vista a trama em geral. 

A capa me chamou atenção e foi um dos pontos que me levou a adquirir a obra, além do meu vício pela leitura de thrillers, com relação aos outros aspectos editoirais não tenho o que reclamar, a revisão está boa, capítulos bem delineados, as introduções dos capítulos contam com dados importantes para entender o que virá a seguir. Sem dúvidas é uma obra que teria tudo para se tornar um favorito, salvo a conclusão que acabou deixando a desejar um pouco. 


"Ali, no meio da cena do crime, Kelsey soube que não estava apenas escrevendo um artigo para preencher a cota de laudas de sua labuta mensal. Ela estava à procura de respostas, para devolver alguma dignidade a uma garota inocente." Página 116


8 comentários:

  1. Rafa!
    Gosto muito dos romances policiais e fiquei bem curiosa por acompanhar junto com a jornalista os passos do assassinato.
    Fiquei triste apenas em saber que nem tudo é esclarecido de forma completa e que o final foi bem simples, porém ainda assim, estou curiosa por fazer a leitura.
    Desejo uma ótima semana e um mês abençoado!
    “Muitas palavras não indicam necessariamente muita sabedoria.” (Tales de Mileto)
    cheirinhos
    Rudy

    TOP COMENTARISTA MAIO 3 livros, 3 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  2. Sempre fui fanática por essas historias que intrigam o leitor, apesar de ter lido bem poucos mas fora o bastante para eu gostar, em relação a historia do livro é um mistério que vai se encaixando aos poucos com os quebras cabeças penso eu que prende bem o leitor o tornado mais curioso.
    Até mais!!!

    ResponderExcluir
  3. Oi Rafa! Já comigo o que me levou a querer ler esse livro foi o nome. Depois que vi que se tratava de uma investigação de um assassinato, fiquei surtada. Adoro tramas policiais, elas me fazem pensar e "investigar" junto com os personagens quem é o verdadeiro culpado.
    Beijokas
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rafaella!
    Achei a premissa meio clichê. Uma cidadezinha entre as montanhas onde ocorre um assassinato e um investigador sai para -não me diga- investigar o caso. Mas achei interessante o fato de seu passado se relacionar com a morte de Becca. É bacana ver que ela se reconheceu na vítima. Também achei curioso acompanharmos a vida da Becca antes do assassinato, assim nós mesmos podemos descobrir o mistério. É bem chato quando aguardamos tanto por um final e eles não supera nossas expectativas, mas mesmo assim acho que daria uma chance.
    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Oi Rafaella,
    Só de ler a sinopse vi muitos elementos semelhantes a outros livros do gênero, mas a alguns fatores que se destacam como a vida de Becca que parece ser regada de segredo. Gosto deste gênero literário, pois permite a nós, leitores, entrarmos na trama e ir, junto com os personagens, desvendando os mistérios. Mas fiquei intrigada em como esse crime está sendo encoberto, pois não há pistas ou suspeitos e caberá a Kelsey descobrir o que, realmente aconteceu. Uma pena que o final não tenha esclarecido todos os pontos, mas, ainda assim, pretendo dar uma chance a esta história.

    ResponderExcluir

  6. Esse foi o útimo livro que eu li e eu gostei muito.
    Adoro um thriller e talvez diferente da maioria, não é da revelação em si que eu geralmente mais gosto e sim de todo o desenrolar, todas as pistas. Gostei do final, porque apesar de simples é infelizmente uma grande realidade. Quando vi que o livro era em terceiro pessoa eu cheguei a pensar que não iria me sentir próxima a Kelsey e também a Becca, mas não foi assim e eu me senti muito próxima das duas. Achei a escrita do autor muito boa e por ser o primeiro livro dele achei um ótimo começo. Com certeza vou querer ler mais coisas dele!

    ResponderExcluir
  7. Realmente a capa chama muito a atenção! Também não conheço a autora e compraria só por ela, rs.
    Então, eu amoooo thrillers, mas estou ficando cansada das narrativas intercaladas e saber que há toda uma trama bem montada e o final é simples demais pra isso acabou me desmotivando um pouco. Além disso, esse tipo de gênero não pode ter pontas soltas porque senão fico doidaaaa hahah sério, começo a me perguntar o que significava tal coisa e às vezes isso resulta numa "bela" ressaca literária.
    Vou ler mais algumas resenhas pra decidir se lerei!

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. q pena que a conclusão não agradou
    estou super curiosa para ler esse livro, mas ainda bem q vc avisou que o desfecho é simples, pois as vezes eu fico com muita raiva e a nota cairia horrores por causa disso
    mas mesmo assim espero poder ler em breve

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!