Resenha: Jogos Vorazes - Suzanne Collins

Editora: Rocco - Jovens Leitores
Ano: 2011
Páginas: 397
Tradutor: Suzanne Collins


Após o fim da América do Norte, uma nova nação chamada Panem surge. Formada por doze distritos, é comandada com mão de ferro pela Capital. Uma das formas com que demonstram seu poder sobre o resto do carente país é com Jogos Vorazes, uma competição anual transmitida ao vivo pela televisão, em que um garoto e uma garota de doze a dezoito anos de cada distrito são selecionados e obrigados a lutar até a morte! Para evitar que sua irmã seja a mais nova vítima do programa, Katniss se oferece para participar em seu lugar. Vinda do empobrecido distrito 12, ela sabe como sobreviver em um ambiente hostil. Peeta, um garoto que ajudou sua família no passado, também foi selecionado. Caso vença, terá fama e fortuna. Se perder, morre. Mas para ganhar a competição, será preciso muito mais do que habilidade. Até onde Katniss estará disposta a ir para ser vitoriosa nos Jogos Vorazes?

Classificação:      


"O resultado foi Panem, uma resplandecente Capital de treze distritos unidos que trouxe paz e prosperidade a seus cidadãos. Então, vieram os Dias Escuros, o levante dos distritos contra a Capital. Doze foram derrotados, o décimo terceiro foi obliterado.O Tratado da Traição nos deu novas leis para garantir a paz e, como uma lembrança anual de que os Dias Escuros jamais deveriam se repetir, também nos deu os Jogos Vorazes." Página 24


Se eu soubesse que iria morrer de amores por Jogos Vorazes não teria demorado tanto para ler. Confesso que estava receosa com a leitura por causa das opiniões divididas e como ganhei os dois primeiros livros em uma promoção, não queria iniciar a leitura antes de ter a trilogia. Quando vi que o lançamento do filme Em Chamas estava próximo, decidi ler Jogos Vorazes e acabei indignada por ter demorado para ler. Corri ver o filme (que também me aguentei para ver apenas depois de ter lido) e confesso que achei que a adaptação foi bem fiel ao livro, é claro que no impresso você tem uma melhor visão do que acontece com a Katniss, mas o filme não deixou a desejar em nada. 

Como essa primeira citação explica, houve uma revolta e disso nasceu Panem, um mundo que é governado pela Capital e cada um dos doze distritos é conhecido por um diferente trabalho para sua subsistência. Katniss Everdeen, 16 anos, precisou crescer rapidamente quando seu pai morreu durante o trabalho. Sua mãe ficou desesperada e perdeu a noção de que tinha duas filhas para criar, deixando a responsabilidade de trazer comida para casa por conta da filha mais velha.


"Meu espírito. Isso é novidade. Não sei exatamente o que significa, mas indica que sou uma lutadora. De uma maneira mais ou menos corajosa. Não sou sempre antipática. Tudo bem, não saio por aí amando todo mundo que encontro pelo caminho, meus sorrisos não aparecem com facilidade, mas me importo com as pessoas." Página 134


Todos os anos são realizados os Jogos Vorazes, no ano em que o livro se passa é a septuagésima quarta edição do programa. Este consiste em uma lembrança aos moradores de Panem sobre a revolta e quais foram as suas consequências, sendo assim as pessoas são obrigadas a enviar seus filhos para a colheita. Este evento é o sorteio que determina os jovens que irão participar da edição dos Jogos Vorazes e todos os jovens de Panem que têm entre 12 e 18 anos são obrigados a participar da colheita. É a primeira colheita de Prim Everdeen, irmã mais nova de Katniss, e seu nome está em apenas um papel, porém a garota é sorteada como Tributo do Distrito 12. Depois de um momento de choque, Katniss vai para os Jogos Vorazes para salvar sua irmã deste destino e então começa a sua luta pela sobrevivência e para manter a promessa de que fez para Prim: que tentaria, ao menos, vencer os jogos e voltar para casa. 

Um dos melhores livros que já li. A obra mostra ao leitor a dificuldade de Katniss em gerenciar os recursos e não deixar sua irmã morrer de fome, o que sempre acontecia em seu distrito. Este livro me fez rir (com o Haymitch), chorar e morrer de amores pelo Peeta - me condenem -. Adorei a forma como o livro explora a luta de Katniss nos jogos e como a aliança com Peeta a ajudou durante as batalhas. Uma das personagens que mais me encantou (além da protagonista) foi a Rue e adorei como a aliança delas funcionou bem. Separei tantas citações para colocar nesta postagem, mas grande parte delas tinham spoilers e isso não é legal. Acredito que já falei mais do que devia, mas foi a emoção. Como já falei no início da resenha, achei o filme bem fiel ao livro então não achei que seria legal montar uma postagem apenas para o filme. Estou ansiosa pela leitura de Em Chamas, acho que começarei hoje mesmo.


"Doente e desorientada, sou capaz de formar um único pensamento: Peeta Mellark acabou de salvar minha vida." Página 210


6 comentários:

  1. Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
    reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
    Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
    decerto que virei aqui mais vezes.
    Sou António Batalha.
    Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
    PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
    siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

    ResponderExcluir
  2. Não li este livro ainda, mas vi o filme e gostei. Quero ver se pego a série para ler.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  3. Ainda não li o livro e tão pouco assisti ao filme.
    Não sei, mas não consigo ver nada que eu ache que vá me prender ao livro.
    Talvez eu esteja enganada e me encante quando ler, igual a voc^.
    Mas por enquanto é ainda não.

    http://lisos-somos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Li e assisti a Jogos Vorazes e amei. O livro é um dos meus favoritos, já o filme... perdi a coragem de assistir novamente hehe'.
    Também morro de amores pelo Peeta.
    Beijos

    http://thaismonte.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Vi o filme só por causa do Josh Hutcherson, Rafa, que vi criança ainda em ABC do Amor! Até gostei, mas achei um pouco exagerado por causa da violência, o que salvou foi o casal de Peeta e Katniss. Embora eu ainda ache que Divergente vale mais a pena, tenho até curiosidade de ler JV. Beijos, amei a resenha!
    Letícia Valle
    litteraturamundi.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Eu morro de vontade de ler esses livros, mas ainda não consegui :( E sua resenha só me deixou com mais vontade ainda de ler!

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!