Resenha: Radiante (Riley Bloom #1) - Alyson Noel

Hoje depois de ficar relembrando o dia que eu e a Rafa encontramos a Alyson Noel, achei a resenha que fiz há algum tempo de Radiante e resolvi postar.

Autora: Alyson Noel
Editora: Intrínseca
Ano: 2011
Páginas: 184
Sinopse: Algum tempo após o acidente de carro que a matou, Riley Bloom deixou sua irmã, Ever, na terra e atravessou a ponte da vida após a morte até um lugar chamado 'Aqui', onde o tempo é sempre 'Agora'. Riley reencontrou os pais, também vítimas do desastre, e Buttercup, o cão da família. Todos estavam se adaptando a uma morte boa e tranquila, até que ela foi chamada perante o Conselho e um segredo lhe foi revelado - a pós-vida não significa simplesmente uma eternidade de lazer. Riley tem tarefas a realizar. Ela é designada como Apanhadora de Almas, e Bodhi, um garoto diferente, que ela não consegue decifrar muito bem, é seu guia. Riley, Bodhi e Buttercup voltam à Terra para sua primeira tarefa - fazer o Menino Radiante, que há anos assombra um castelo na Inglaterra, atravessar a ponte. Muitos Apanhadores de Almas já tentaram convencê-lo e não obtiveram sucesso. Mas isso foi antes que o menino conhecesse Riley.
Classificação:    

Vou ser sincera, o começo do livro é chatinho e pensei seriamente em desistir. E por que o livro é chato no começo? Pois a Riley passa a pensar muito na vida que tinha, na injustiça que foi ela ter morrido com apenas 12 anos, não querendo aceitar isso de jeito nenhum. Após ficar vagando pela Terra, ela resolve atravessar a ponte e morar no lugar chamado Aqui&Agora, que é onde as almas passam a viver após a morte. Seus pais já estão muito bem adaptados e felizes, fazendo o que sempre quiseram.

Então chega o primeiro dia de aula e ela segue para a escola, uma escola completamente diferente onde todos se comportam, ninguém faz bagunça e isso só faz a Riley ficar mais irritada ainda. Um ritual estranho acontece, onde pessoas sobem no palco (inclusive um nerd que no começo ela não vai com a cara), são aplaudidas e passam a brilhar ainda mais. Em seguida, ela vai para o Conselho e apesar do medo, de rever sua vida inteira junto com eles, ela explode de vez e espera o "castigo" tentando se manter quieta e o Conselho diz que ela vai se tornar uma Apanhadora de Almas.

A partir daqui a história passa a ficar mais divertida, pois aquele nerd que citei ali em cima vai ser o mentor de Riley. Seu nome, Bodhi, e ele logo leva ela de volta para o plano terreno, mais especificamente Londres, onde Riley tem que convencer o Menino Radiante a cruzar a ponte. O problema é que ninguém nunca conseguiu convencê-lo a fazer isso e Bodhi faz uma aposta com Riley: se ela conseguir completar a tarefa, ele ensina ela (e Buttercup, a fiel medrosa cachorra) a voar. E então Riley vai enfrentar o tal Menino.

O caso Menino Radiante passa e Bodhi tem que lidar com uma outra alma no castelo, uma mulher presa em uma das torres que passou a eternidade simplesmente chorando e ai as coisas ficam um pouco mais obscuras e tensas, com uma reviravolta interessante. Passado isso, eles passam um tempo na Terra antes de voltar para Aqui&Agora, aguardando a próxima missão...




9 comentários:

  1. Geeeente.. tenho os 3 livros dessa série e nem a sinopse eu tinha lido ainda rsrsrs

    eu não gosto de livros que começam um porre pq tenho essa mesma vontade de desistir da leitura... se demorar pra engatar, fico anos, séculos, até terminar de ler... enrolo o máximo que posso kkkk

    Qualquer dia eu páro pra ler esses livros rsrsrs

    Bjin
    Flavia
    http://livrosechocolate.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Flávia,
      Sei como é, quando eu quase desisti do livro a coisa melhorou e terminei de ler rapidinho. Tenho o segundo volume, mais ainda não li, outros livros furaram fila e o segundo está na estande me aguardando.

      Bjsss

      Excluir
  2. Oh, eu tenho muita, muita vontade de ler... agora vou te contar eu tenho medo de todo começo de livro ó. Porque é nos começos que a gente se empolga ou se desmotiva....

    bjs,
    Camila Márcia
    @camila_marcia
    http://delivroemlivro.blogspot.com/
    http://devaneiosfugazes.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila,
      Pois é, o começo do livro é decisivo mas tento ao máximo não desistir do livro porque vai que acontece como em "Radiante" e a história melhora? Depois bate aquele arrependimento.

      Bjsss

      Excluir
  3. ahh, não conhecia o livro, nem nunca tinha ouvido falar!
    me pareceu legal.. fico meio apreensiva com livros que são chatinho no incio, perco a paciência! rs
    Mais pelo que você disse colocarei ele na minha listinha!


    Bjão sua fofa
    erikarayanaheart.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Érika!
      Isso, coloque na lista e quando tiver um tempinho leia. Depois que você passa a parte mais chata, a leitura fica mais rapida e divertida.

      Bjsss

      Excluir
  4. Eu li os livros da serie Para sempre
    E achei a autora muito fraca
    Mas não sei se ela melhora nesse
    Acho melhor nçao arriscar

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para Sempre só não gostei do terceiro livro e do ultimo, não era o final que esperava e por isso acabei pegando odio. Mas como gostava da Riley, resolvi dar uma chance para essa série nova.

      Bjss

      Excluir
  5. A capa desse e dos outros livros da séries são perfeitas. Eu simplesmente ameeeei *-* Comecei a ler Para sempre e Lua azul, gostei um pouco, não sou muito de abandonar séries, logo pretendo comprar os outros. Voltando a resenha, eu gostei bastante da sua, está maravilhosa!

    Um beijo.

    Bia - Blog Escrevendo Mundos

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!