Dicas: Madras

Hoje trago uma dica bem legal. O livro da Madras é o A Garota com Tatuagem de Dragão que tem como base a Trilogia Millenium que é composta por três livros: Os Homens Que Não Amavam as Mulheres (inglês: The Girl with the Dragon Tattoo), A Garota que Brincava com Fogo ( inglês: The Girl Who Played with Fire) e A Rainha do Castelo de Ar (inglês: The Girl Who Kicked the Hornets' Nest). E tem como foco a personagem Lisabeth. Eu comecei a ler o primeiro livro da coleção Millenium, porém abandonei a leitura. Já minha mãe é apaixonada pela série e ficou super encantada com livro da Madras...


Título: A Garota com Tatuagem de Dragão - Tudo é fogo
Autor: Coordenação de William Irwin
             Coletânea de Eric Bronson
Assunto/Gênero: Filosofia/Literatura
Páginas:  208
Tipo de Capa:  Laminado Brilhante

Seria possível ter Lisbeth como nossa guia em um mundo pós-gênero? Lisbeth e Mikael podem ser eles próprios criminosos para pegar um criminoso? Aristóteles leria um livro de mistério de Larsson em uma praia? A vingança pode ser ética? Por que se toma tanto café? Ao traçar uma linha moral tênue entre suas próprias ações e os esquemas criminosos que eles plantam para desvendar crimes, no best-seller internacional Trilogia Millennium, Lisbeth Salander, uma problemática hacker de computadores tatuada, e Mikael Blomkvist, um jornalista desonrado de meia-idade, formam a parceria mais improvável de heróis na história da ficção popular, e uma das mais convincentes.

Com base em algumas das mentes filosóficas mais brilhantes da história, A Garota com Tatuagem de Dragão e a Filosofia oferece uma nova visão da complexa estrutura ética desse estranho casal de detetives e dos principais temas epistemológicos que conduzem os contos de crime e corrupção no lado sombrio da Suécia, engenhosamente arquitetados por Stieg Larsson.

Os tópicos, tais como os argumentos aristotélicos em relação a por que amamos a vingança, teorias kantianas para explicar por que tantas mulheres dormem com Mikael Blomkvist, leituras feministas de Lisbeth Salander e pontos de vista de Larsson sobre o ceticismo, oferecem uma dose enorme de porções metafísicas que irão mais do que satisfazer o apetite in­telectual dos fãs devotos de Larsson de todas as partes do mundo.        

4 comentários:

  1. nossssa , parece bem interessante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Eu me apaixonei pela capa. Pretendo ler a coleção Millenium e logo após ler A garota com Tatuagem de dragão.

      Beijos.

      Excluir
  2. Tem bastante aventura e intelectualidade para desenvolver.

    soniacarmo
    retalhosnomundo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E não deixa de ser um complemento para a narração da Trilogia Millenium. Adoro esse gênero de livro.
      Beijos.

      Excluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!