Resenha: Sem Filtro - Lily Collins

Editora: Galera Record
Ano: 2017
Páginas: 240

Lily Collins — estrela de filmes como Instrumentos mortais, Espelho, espelho meu e Simplesmente acontece — estreia na literatura com um livro confissão; uma conversa entre amigas. Honesta. Sem filtro.
Pela primeira vez, Lily fala da vida pessoal e confessa seus segredos mais bem guardados. Lily desnuda suas vulnerabilidades com uma coragem comovente, e lembra que a vida não é feita apenas de risos e um eterno alvorecer cor-de-rosa. Para cada alegria há, também, dor e desilusão; luz e trevas, como em qualquer trama bem urdida.
Aceitação é a palavra mágica. Para Lily, olhar o espelho e gostar do que vê, fazer as pazes com você mesma é a chave para suportar os dias ruins. Embora o caminho para o amor-próprio possa ser sinuoso, a autora aprendeu que basta uma pessoa estender a mão, alguém tomar uma pequena atitude para todos os demais entenderem que não estão sozinhos.
Engraçada e terna, a voz de Lily irá inspirar você a ser quem é e a sempre dizer o que sente. Chegou a hora de achar sua voz. E viver sua vida... plenamente.


Classificação:     



"Quando as pessoas apontam nossas diferenças, demonstram as próprias inseguranças. Pode ser muito difícil não levar esses comentários para o lado pessoal, mas, ao segundo que permitimos que isso aconteça, damos poder e verdade às palavras delas." Página 17


Sem Filtro é uma obra lançada pela Galera Record e de autoria de Lily Collins, como acompanho a carreira da Lily há alguns anos, quando vi que ela lançaria um livro fiquei bastante interessada e confesso que o livro me surpreendeu de uma forma positiva. Nesta obra, a autora fala abertamente sobre sua vida desde a batalha contra distúrbios alimentares, o relacionamento com seus pais que se divorciaram quando ela era pequena, relacionamento abusivos, amizades e a caminhada tortuosa que enfrentou até se aceitar como é. 

A cada capítulo um tema é abordado de forma franca e direta, visando orientar e dar confiança aos leitores - principalmente às adolescentes que vem nela um modelo a se seguir. Durante toda a leitura acabei me imaginando com uns dezesseis ou dezessete anos tendo o livro em mãos e ouvindo tudo o que precisava naquela época, quem sabe estaria vivendo uma realidade diferente, por isso acredito que esta é uma leitura indicada para as adolescentes que agora se espelham em modelos e atrizes, Lily mostra o quanto isso pode ser prejudicial e faz com que quem leia Sem Filtro comece a analisar sob outra perspectiva a vida de uma celebridade. 


"Pedir ajuda nunca é sinal de fraqueza. É uma das coisas mais corajosas que se pode fazer. E isso pode salvar uma vida." Página 141


Logo que recebi o livro iniciei a leitura e terminei em apenas um dia, pois o livro é curtinho e possui várias imagens e frases interessantes na divisão de capítulos. Como já mencionei, acompanho a carreira da Lily há algum tempo, mas alguns pontos abordados por ela durante a leitura me surpreenderam como as rejeições que ela teve durante a sua caminhada até se firmar como atriz, como precisou deixar a graduação de lado para seguir o seu sonho e a sua facilidade em escrever, o que lhe deu a oportunidade de ser uma jovem correspondente de uma revista durante a sua adolescência. 

A capa traduz tudo o que autora traz durante o seu relato "Sem vergonha, sem arrependimentos, apenas eu mesma." e isso me surpreendeu durante a leitura, pois é interessante conhecer o lado que muitas pessoas públicas fazem questão de esconder, seja relacionamentos fracassados, distúrbios alimentares e inseguranças. Como Lily cresceu sob os holofotes, por causa de seu pai, ela foi jogada na mídia mais cedo e de certa forma isso moldou o que ela é agora, mas neste relato ela faz questão de apoiar todas as jovens mulheres que sofreram ou sofrem das mesmas coisas pelas quais ela passou e busca dar forças para que as garotas lutem contra as questões impostas pela sociedade sobre como se comportar, ter corpos esbeltos ou não ser inteligente o suficiente. Sem dúvidas, esta deveria ser uma leitura obrigatória para todas as adolescentes para que aprendam se aceitar e perceber que há beleza em ser diferente. 


"Eu sou a chave de minha cura. Para ficar saudável, precisei agir por que eu quis." Página 210



16 comentários:

  1. Rafa!
    Confesso que não a conhecia, mas admiro quem consegue falar de seus problemas (e os dela são muito sérios), de forma aberta, sem medo e ainda aconselhando e trazendo boas reflexões. Deve mesmo ser um bom livro.
    Desejo um mês mais que abençoado, carregadinho de luz e paz e um final de semana esplendoroso!
    “Acredite, existem pessoas que não procuram beleza, mas sim coração.” (Cazuza)
    cheirinhos
    Rudy
    TOP COMENTARISTA MARÇO: 3 livros + vários kits, 5 ganhadores, participem!
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!

    ResponderExcluir
  2. Gosto muito do trabalho da Lily, e ela me parece ser uma pessoa admirável.
    Ainda não tive a oportunidade de ler esse livro (acabo não dando prioridade para livros desse gênero), mas depois dessa resenha quero muito conhecer.
    Gostei de todos os trechos, e parece ser mesmo de grande ajuda para todas adolescentes. É sempre bom ter alguém nos guiando.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Expor seus problemas abertamente não é tarefa fácil, isso é fato. E admiro a coragem dela de ter conseguido fazer isso e publicar um livro. Porque celebridade é gente como a gente, certo? Tem problemas em relacionamentos, na família, no dia a dia e até com si mesma. Problemas é algo comum a todo ser humano.
    Imagino o quão impactante seja para uma adolescente fazer a leitura desse livro!

    ResponderExcluir
  4. Não acompanho muito a carreira da atriz mas achei muito bom o filme que ela fez sobre distúrbios alimentares mas não sabia que a mesma já tinha passado por isso. Acho bem legal esse tipo de livro para jovens que estão começando a passar por essa fase as vezes isso ajuda a diminuir os problemas.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Rafaella.

    É bacana o que a Lily consegue passar para os leitores, por mostrar os momentos vividos por ela.

    ResponderExcluir
  6. Oi!!
    A Lily é uma fofa!
    Vi algumas partes do livro e gostei, nao peguei pra ler ainda mas estou ansiosa pra ler.

    ResponderExcluir
  7. Olá, a obra proporciona ao leitor um auto relato da carreira da autora, mas mais do que isso entrega uma série de mensagens positivas para reflexão. Já assisti alguns filmes com a atriz e fiquei interessado em saber um pouco mais sobre ela. Beijos.

    ResponderExcluir
  8. Oie, tudo bem?
    Admiro muito a Lily, e faz alguma tempo que vi esse lançamento, mas não fui atrás para saber mais.
    Eu queria ter lido algo assim na adolescência também, acho que muitas coisas seriam diferentes.
    As pessoas colocam os famosos em um pedestal né? Acham que são perfeitos, mas livros assim mostram que eles também tem problemas, o quanto sofrem com coisas que nem imaginamos.
    Amei sua resenha, já sei um ótimo presente para dar.
    Beijos!

    http://lostwordsin.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Rafa!
    Acompanho a carreira da atriz e gosto muito dos seus filmes mas confesso que não sabia de tudo que ela tinha passado. Não costumo ler livros do gênero mas acho super interessante essa divulgação de problemas que muitas vezes não imaginamos que possa acontecer com um artista tão famoso. Com certeza é uma forma de ajudar muitas jovens que vivem esse mesmo problema, é muito válido!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    Não acompanho a carreira de Lily, mas conheço alguns de seus filmes. Quase todos os atores ou cantores sofreram muito durante a infância ou adolescencia, mas poucos tem a coragem de expor isso. Achei o máximo a atriz falar sobre tudo de uma maneira tão aberta.
    Beijos!
    Nerd Fox

    ResponderExcluir
  11. Já tenho este livro na lista de desejados. Eu adoro demais os trabalhos dessa atriz e com certeza por ela falar mais de sua vida e até de seus problemas creio que seja uma forma ainda melhor de conhecer ela.Eu amo esta capa também ♥

    ResponderExcluir


  12. A Lilly Collins é uma Fofuxa com F maiúsculo!
    Mas,ainda sim é um ser humano.Achei incrível ela ter essa iniciativa de escrever um livro em tom confissional,Meu Deus,ela escreve!!
    E como todo ser humano ela estar sujeita a rir de piadas sem graça,chorar em filmes mega românticos,sentir dor,se irritar na TPM e se esbaldar de chocolate.E,sim,ela é um ídolo para garotas adolescentes que se espelham nela e exatamente por isso,sua coragem em tocar em assuntos tão pessoais a fim de ajudar precoces leitoras a enxergar a vida como ela é e sempre aceitarem,a faz sensacional.
    Talvez a maioria de nós não teria coragem em falar de nossos relacionamentos mal sucedidos ou nossos problemas de aceitação com o corpo.E se fóssemos pessoas públicas e da mídia a coisa então,ficaria ainda mais difícil.Lilly teve essa ousadia e merece todos os créditos.Mostrou o quão pesado é estar no lado de ricos e famosos e a pressão que a mídia desencadeia sobre ele.Saiu de sua zona de conforto,mostrou que não estava em cima de pedestres.O livro já está na minha lista de desejos do Papai Noel
    A capa também é uma delicadeza.E que ela continue escrevendo e nos brindando com suas atuações.

    ResponderExcluir
  13. Eu me lembro quando a gente Torá informou que iriam lançar a biografia dela e apesar de eu não ser muito fã de biografias eu vi pelos textos que você colocou que esse livro também é bem alto ajuda então achei isso muito legal no livro Acho que até vou me arriscar em ler ele

    ResponderExcluir
  14. Oi!
    Biografia não é muito o tipo de leitura que gosto de fazer, mas pela resenha esse livro dela parece bem interessante, gostei dessa surpresa positiva que também tive lendo a resenha e gostei de ela tratar temas tão importantes, parece que ela realmente fala de tudo, como um modo de ajudar quem passa por essa fase ou por esses problemas, realmente parece ser uma ótima leitura e com poucas paginas !!

    ResponderExcluir
  15. Assisti Espelho, espelho meu e achei a atriz demais. Não sei se leria esse livro, por não ser meu estilo, mas quem sabe em uma outra oportunidade eu venha ler.

    ResponderExcluir
  16. Ola!
    Já assisti vários filmes com ela, e são muito bons. Eu já vi o lançamento do livro dela mas não me chamou muito atenção, mas vejo uma premissa muito boa.

    Meu blog:
    Tempos Literários

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!