Resenha: Beleza Cruel - Rosamund Hodge

Editora: Novo Século
Ano: 2015
Páginas: 312

Desde o nascimento, Nyx estava prometida em casamento a Lorde Gentil, o perverso governante de Arcádia tudo por causa de uma irrefletida barganha do pai dela. E, desde então, ela tem sido treinada para matar o soberano. Obrigada a obedecer ao cruel acordo e sentindo-se traída por sua família, Nyx luta contra seu destino. Entretanto, em seu 17o aniversário, ela abandona tudo aquilo que conhece para se casar com o todo-poderoso e imortal Lorde Gentil. O plano dela? Seduzi-lo, desarmá-lo e quebrar a maldição de 900 anos que ele lançou contra seu povo. Mas ele não é o que Nyx esperava. O enigmático charme do Lorde a seduz, e seu castelo um inconstante labirinto de salas mágicas a encanta. Enquanto Nyx procura um meio de libertar sua terra revelando os segredos de seu esposo, encontra-se inevitavelmente atraída por ele. Mas como ela pode amar seu inimigo e recusar o dever de matá-lo? Inspirado no clássico conto de fadas A Bela e a Fera , Beleza cruel é uma deslumbrante história de amor sobre como nossos desejos mais profundos podem mudar nosso destino.

Classificação:    


"Leônidas não pudera deixar de amar Astraia, a filha pela qual sua mulher pagara tão caro. E não pudera deixar de me desprezar, a filha que recebera a vida sem custo algum, assim como ele não havia pagado nada de seu próprio bolso para nos receber. Desse modo, Astraia crescera muito amada, a imagem vívida de minha mãe. E eu havia crescido sabendo que meu único propósito seria o de ser a encarnação da vingança do meu pai." Página 49


Beleza Cruel foi uma das obras que solicitei quando era parceira da Editora Novo Século (2015?) e acabei deixando na estante. Ao modificar a lista de leituras, a capa do livro me chamou atenção e deixei para lê-lo e seguida e não me arrependi. O livro é uma releitura de uma história bastante conhecida "A Bela e a Fera" e isso se mostra presente durante a narração, mas o livro segue outro rumo e me conquistou.

Nyx foi apresentada para o seu futuro desde cedo, a garota era a prometida para Lorde Gentil. Antes de Nyx e Astraia nascerem, seu pai fez um acordo com o Lorde para que sua mulher pudesse lhe dar herdeiros, porém os acordos com o Lorde sempre continham um "golpe", neste caso a mulher de Leônidas morreu no parto e uma de suas filhas deveria se casar com o governante de Arcádia. Então, desde pequena, Nyx foi treinada para destruí-lo assim que estivesse perto de Gentil. Bastante ressentida, a jovem joga nas costas de sua irmã todas as suas frustrações devido ao seu destino e parte para a casa de seu marido brigada com os familiares. 

Lá, ao lado de Lorde Gentil, ela vive sozinha e sempre buscando uma oportunidade de dar um fim ao seu suplício, porém ele é esperto e sempre desmonta as suas investidas. No castelo, a jovem convive também com Escuridão, o fiel servo de Lorde Gentil, que vem a ajudá-la em seus planos de destruir o marido, porém ela não imaginava que poderia acabar se apaixonando por seu captor. 

Apesar de ser um livro mais longo, li Beleza Cruel rapidamente, pois fui envolvida pela história da protagonista e a sua busca por vingança e libertação. Nyx teve muitos chiliques (grande parte por causa da vida "perfeita" de sua irmã), mas na maioria do livro curti bastante a sua história. Astraia, por sua vez, parece ser a filha perfeita - aos olhos da irmã-, mas não aparece muito durante a leitura. Lorde Gentil é cativante e apesar de sua condição de mestre dos acordos, o personagem têm um grande crescimento no decorrer da história - assim como Escuridão - o que torna ainda mais envolvente a narração. O final é interessante, não o que imaginava, mas não deixou a desejar neste quesito. O que me deixou bastante confusa foram as informações sobre Arcádia serem jogadas para o leitor, o que tornou um pouco difícil acompanhar, mas acabei desistindo de entender e segui a leitura focando apenas na protagonista. A capa é linda (por imagem e pessoalmente), a diagramação e revisão estão boas e o trabalho editorial em um todo foi satisfatório. O livro é bom e vale a pena ser conferido por aqueles que se identificaram com o tema proposto pela autora Rosamund Hodge



"Sua tola, disse a mim mesma. Você é Nyx Triskelion. Vingadora de sua mãe. Esperança do povo de Arcádia e dos Resurgandis. A única chance que sua irmã jamais terá de ver o céu verdadeiro. Você não pode desistir até que haja apenas um sopro de vida em seu corpo." Página 85

0 comentários:

Postar um comentário

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!