Resenha: Biblioteca de Almas - Ransom Riggs

Editora: Intrínseca

Ano: 2016
Páginas: 416
Tradutor: Fernando Carvalho


Biblioteca de Almas é o último volume da celebrada trilogia iniciada com O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares. Neste terceiro livro, depois de sofrer com a morte do avô, conhecer crianças com habilidades peculiares em uma fenda temporal e partir pelo mar em uma busca desesperada para curar a srta. Peregrine, Jacob vai finalmente enfrentar a inevitável conclusão dessa turbulenta jornada. 
Jacob descobre uma poderosa habilidade e não demora a explorá-la para resgatar os amigos peculiares e as ymbrynes da fortaleza dos acólitos. Junto com ele vai Emma Bloom, uma menina capaz de produzir fogo com as mãos, e Addison MacHenry, um cão com faro especial para encontrar crianças perdidas.
Partindo da Londres dos dias atuais, o grupo vai percorrer as ruelas labirínticas do chamado Recanto do Demônio, uma complexa fenda temporal que abriga todo tipo de vícios e perversões. É ali que o destino de peculiares de toda parte será decidido de uma vez por todas. Tal como os volumes anteriores da série, Biblioteca de Almas une fantasia, aventura e sombrias fotografias de época para criar uma experiência de leitura única.

Classificação:     


A resenha apresenta spoilers dos livros anteriores 



"O desespero ali era tangível, oprimia tudo, até o próprio ar. Eu nunca tinha sido confrontado com a miséria absoluta. Será que peculiares podiam mesmo estar vivendo aquelas vidas descartáveis?" Página 87


Começo pedindo desculpas pelos possíveis spoilers dos livros anteriores, mas seria impossível fazer uma resenha e expressar tudo o que sinto por essa trilogia sem soltar algum detalhe sobre os livros anteriores. De antemão, vou avisar que esse livro é maravilhoso, não é o meu favorito dos três, mas chegou perto. Confesso que quando iniciei a leitura da série, já fiquei ansiosa por ler os três livros em seguida e devido ao timing certeiro, consegui solicitar Biblioteca de Almas um pouco antes de terminar Cidade dos Etéreos (que comprei em uma promoção), pois saberia que morreria de curiosidade para seguir a leitura no mesmo dia. 

Ao descobrirem a identidade da pomba que estavam tentando "salvar" como sendo a Srta. Peregrine, as crianças ficaram bastante abaladas, porque agora não sabiam do real paradeiro das ymbrynes e os colegas que foram sequestrados anteriormente. Jacob decidiu encarar as descobertas sobre o universo peculiar e, apesar de avisar os pais sobre isso, ainda estava dividido sobre a sua vida no tempo presente e a vida que levava com Emma nas fendas temporais que se tornaram obrigatórias para que a garota pudesse viver. O garoto descobriu, à força, que agora era capaz de controlar os etéreos e em alguns momentos pensar como eles e usa isso ao favor de sua causa, tornando a luta contra o ser que busca controlar os peculiares - um pouco mais justa. 

Agora, com a ajuda de Sharon, um barqueiro que pode saber do paradeiro dos tutelados da Srta. Peregrine que foram levados em Londres -, Emma, Jacob e Addison chegam ao Recanto do Demônio e descobrem um lugar completamente desesperador em que peculiares são vendidos como mercadorias, almas transformadas em drogas e pessoas "normais" que convivem em uma desgraceira sem fim. Outro personagem inserido na história é peça chave para a revelação da Biblioteca de Almas e é alguém do passado da Srta. Peregrine, porém é extremamente volátil e nunca sabemos se suas ações estão sendo benéficas para Jacob e os outros peculiares. Este é o livro mais diferente de toda a série, em que personagens importantes para o desenrolar da trama são introduzidos, peculiares em busca de mais poder, humanos que vivem à margem e comercializam crianças peculiares em troca de uns trocados. A história é arrepiante e ao mesmo tempo envolvente, muitas cenas de luta, a busca pela libertação dos peculiares de um dominador e muita emoção estão presentes em todas as linhas desta obra. 


 "Quanto mais eu pensava no meu amor por Emma, mais isso fazia com que eu me sentisse trêmulo e enjoado, exatamente por nosso futuro ser tão incerto. Eu precisava imaginar um futuro para mim em que Emma também estivesse, mas era impossível visualizar nossas vidas no futuro, mesmo que apenas o dia seguinte. Era uma luta constante, não ter ideia do que o amanhã reservava." Página 229


Como já falei algumas vezes nas resenhas: amei a série. Biblioteca de Almas foi um livro indispensável para a série e ao contrario de algumas coleções que contam com livros só para "encher linguiça" essa é uma exceção, pois todos os livros fizeram parte de um grande plano com muitas informações, histórias, confusões e reviravoltas inimagináveis. O autor trouxe para o leitor uma trama bem construída, com personagens cativantes, lugares incríveis e poderes que todos gostariam de ter por pelo menos um dia. Até dos vilões você aprende a gostar, porque eles trazem suas insanidades tão à superfície que dá para ver a paixão com que perseguem seus objetivos, mesmo que falhos e destrutivos, ainda há como imaginar o mundo do jeito que eles tanto almejam. O desfecho foi deixado para as duas últimas páginas e quase chorei de emoção quando os personagens contaram ao Jacob o que lhes aconteceria, sério, foi muita emoção para meu coração de manteiga. Agora devo ter falado muito e tudo isso poderia ser resumido em uma sentença: corram logo para a livraria. 

Seguindo o padrão do volume anterior, Biblioteca de Almas é em capa dura e traz a jacket com a capa original traduzida. Nas primeiras páginas há uma recapitulação sobre termos peculiares extremamente importantes para a série como, por exemplo, ymbrynes e fendas. Os capítulos são bem divididos, o que facilita para o leitor caso precise parar a leitura por algum tempo, pois não há cortes no meio das cenas. A diagramação segue o padrão da série e a revisão está ótima, o que torna a leitura fluida. Ao contrário de Cidade dos Etéreos - que achei a leitura um tanto arrastada - Biblioteca de Almas fluiu bem e terminei a leitura rapidamente, mas desejei não o ter feito. Essa é, sem dúvida, uma das melhores séries do gênero fantástico que existe, não costumo me prender tanto a uma trama quanto foi com O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares e está mais do que recomendado para todos os leitores que apreciam uma trama maravilhosa e com muitas reviravoltas emocionantes. 


"- Você não me compreende - prosseguiu ele. - Isso não me surpreende. A maioria não compreende. Sim, tive que transformar o mundo em um inferno para quem ficou em meu caminho, mas agora que quase alcancei meu objetivo, estou pronto para ser generoso. Magnânimo. Clemente." Página 281

  

8 comentários:

  1. Não tem alegria maior para um leitor do que ver a sua série ser terminada com louvor e com aquele sentimento de saudade, né? Saber que esta trilogia terminou de forma emocionante muito me animou a buscar todos os livros para ler. Tenho certeza de que irei me apaixonar assim como você.
    Amei ler as suas resenhas <3
    Bjs, Rafaella!

    ResponderExcluir
  2. Cheguei a conclusão de que esta trilogia irá me marcar maravilhosamente. Biblioteca de Almas terminou de forma majestosa. Os personagens e narrativa estão bem edificados, e como uma leitora apaixonada por estórias cheias de reviravoltas, lerei sem falta.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Rafa!
    Fenda temporal? Que máximo!
    E fico na torcida para que Jacob consiga curar a Sra. Peregrine.
    Bem curiosa pela leitura.
    “Natal não são as luzes lá fora, mas a Luz que brilha em seu coração... Feliz Aniversário, Senhor!” (Daniela Raffo)
    Boas Festas!
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    TOP Comentarista de DEZEMBRO ESPECIAL livros + BRINDES e 4 ganhadores, participem!

    ResponderExcluir
  4. Nossa essa série parece mesmo ser maravilhosa e cheia de reviravoltas emocionantes, super ansiosa pra começa a ler logo.

    ResponderExcluir
  5. Fiquei muito feliz em saber que o último livro não é somente para encehr linguiça, continuar ganhando dinheiro em cima da obra. Fiquei muito ansiosa para ler os outros livros quando li essa resenha, pois o final da história parece ser bem emocionante!

    ResponderExcluir
  6. Também não costumo me envolver muito com livros de fantasia, mas vejo que essa trilogia tem algo especial que nos prende já nas primeira páginas. Vejo que conclusão conseguiu e muito te agradar, e isso e muito bom.

    ResponderExcluir
  7. Super ansiosa pra começar a ler essa trilogia mas me envolvo demais com os personagens poriso so vou começa a ler quando tiver a serie completa

    ResponderExcluir
  8. Antes de mais nada, que bom que é mesmo uma trilogia, muitos autores acabam prolongando sua obra apenas aproveitando o sucesso da mesma. E parabéns a Intriseca por nos trazer obras de tanta qualidade e com um acabamento tão belo.

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!