Resenha: Minha Cinderela Interior - Graziella Mafraly


Livro: Minha Cinderela Interior
Autor: Graziella Mafraly
Páginas: 168
Editora: Perse


Laura, mesmo com dezenove anos, não tem certeza se é adulta ou adolescente e também não costuma dar muito crédito a sua voz interior, que insiste em lhe dizer que é bonita, desejável, mesmo sendo gordinha, e que tem tantas chances de namorar um garoto interessante como qualquer outra moça a sua volta. Grita para si mesma um: “Acorda Cinderela!” ao menor sinal de estar dando ouvido a esse seu lado mais sonhador. Na verdade, sufoca-o com medo de se machucar mais uma vez e, sem criar muitas expectativas, até acredita que poderá encontrar alguém legal para compartilhar seu dia a dia.

De repente tudo está fora do lugar! Victor entra em sua vida sem pedir licença. Ele tem um sorriso lindo, é inteligente, envolvente e completamente... louco!
Laura deveria ter corrido quando ele declarou ser mandão, possessivo e controlador, mas ela até achou aquilo “lindo”. Só que agora, mesmo percebendo que seu passado guarda ainda mais segredos, ela não tem como fugir, pois já está completamente apaixonada!
Classificação:   


" Acorda Cinderela", pois sua fase princesa ainda não começou. O Príncipe encantado ainda esta longe e você tem muito chão para esfregar. Assisti a minha aula com a cabeça em um homem de um metro e noventa, lindo, cheiroso e, provavelmente, muito gostoso. Droga!" Página 19

  A vida de Laura é igual a de uma adolescente (adulta?) normal. Faz faculdade e  estágio de meio período. Mora com sua mãe, seu padrasto e o filho dele. Como toda mulher dessa idade, a garota tem complexo a respeito de sua aparência e por usar manequim 46.

   Um dia o príncipe encantado aparece em seu trabalho, mas ele tem um pequeno problema de percurso: odeia dentistas. E Laura o ajuda e acaba levando-o para a faculdade. Ela ainda não acreditava que o rapaz dos seus sonhos estava sendo gentil com ela. Com o príncipe também vieram dois problemas: Isabel e Rita. A primeira, ex-namorada com dor de cotovelo. E a segunda, prima com o mesmo problema, sempre foi apaixonada por Victor. 

  Horas depois os dois percebem que gostam um do outro e dias depois estão noivos. Porém um problema do passado de Victor ameaça destruir o relacionamento dos dois e Laura precisa se decidir se acredita no namorado ou em todas as outras pessoas. O que você faria se estivesse no lugar dela?     Deixo claro que Victor tem acessos de violência e todas as dúvidas da menina podem ter um fundo de verdade...

   O livro é narrado em primeira pessoa, por Laura, e a escrita é fácil. Só achei problemas quanto a revisão porque alguns erros aparecem ao longo da obra, mas nada que o leitor não consiga entender. Achei a capa bem interessante e ela ilustra bem o dilema de Laura que quer ser livre mas ainda está com uma das mãos atadas. 

   O livro é bom, mas a autora peca um pouco quanto a estória... ficou bem monótona a relação entre Laura e Victor: algo acontecia - eles brigavam - iam para o motel - faziam as pazes e o mundo voltava a ser cor de rosa. Porém o final me surpreendeu e achei que ela fez o melhor para sua vida.


8 comentários:

  1. Oi Rafa!!!
    Até que curti a história apesar das críticas, deve ser bem legal. Mas esse namoro e noivado acontece muito rápido hein. Onde foi parar os anos de relacionamento antes de se amarrar completamente rsrsrs. Adorei a resenha...Bjoo

    ResponderExcluir
  2. A capa é bem simplesinha...mas adorei a forma como você escreveu sobre ele!


    Beijoooks

    Lanny
    http://www.leituraeoutrostantos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Sua resenha me deixou curiosa para saber o que a Laura fez no final. Parece ser uma leitura bem bacana pois mostra uma protagonista mais real.

    Um leve bater de asas para todos!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Xiiii, controlador? Será q é um daqueles casos de namorado louco e mulher submissa? Quero ver.

    ResponderExcluir
  5. Acho tão chato esses erros de revisão, e esse negócio de brigar e ir para o motel fazer as passes não me agrada, provavelmente é um livro que eu não leria D:


    beijos
    Luana - Lendo ao Luar

    ResponderExcluir
  6. Oi, Rafa, nunca tinha ouvido falar desse livro. Acho chatinho quando aparece alguns clichês ou quando os relacionamentos são superficiais [sim, eu acho superficial um casal brigar e fazer as pazes com sexo]. Achei a capa feinha, rs.


    www.amorporclassico.com

    ResponderExcluir
  7. O livro não me chamou atenção, nem a capa e os erros já desanimam
    Mas o enredo tambpem não me chamou em nada

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. Boa Noite, Rafaella.
    Gostaria de agradecer por participar do book-tour de Minha Cinderela Interior.
    Você foi a primeira pessoa que comentou sobre a mensagem da capa, fiquei feliz por isso. Já recebi criticas por ela ser simples demais, outros amaram sua delicadeza, mas até agora não tinham falado dela dessa forma, obrigada.
    Gostaria de agradecer também sobre o toque dos erros ortográficos. Vou pedir nova revisão, pois também acho horrível ler um livro com erros.
    Geralmente faço um post sobre as resenhas e, se quiser conferir, está convidada: http://www.semig.com.br/graziella/?p=1189
    Um grande abraço a todos que comentaram a resenha e um super beijo ao blog La Vie Est Ailleurs.

    ResponderExcluir

Quer deixar uma dica ou sugestão? Comente e me deixe feliz.

Para que eu possa visitar seu blog deixe um comentário com o nome do blog e eu entrarei em seu perfil. Ou use a opção Nome/URL. Por favor não coloquem links nos comentários porque o blogger considera como spam.

Agradeço a visita!